Dica – Tons metalizados

Dica – Tons metalizados

Pendentes, molduras, vasos e até faqueiros. Basta uma busca rápida pela internet para se deparar com estes e muitos outros elementos de decoração em tons metalizados. Os mais vistos são o cobre, o dourado e o ouro rosé.
Esses tons são os queridinhos dos designers, e são apostas certeiras para quem busca um visual elegante e com aquele toque de modernidade que não pode faltar.

Vale saber que o cobre, apesar de ainda marcar forte presença na decoração, vem perdendo o protagonismo para os tons de dourado, que podem variar do tradicional ao rosé, este último é uma versão mais suave e até feminina do metal.
O rosé tem sido o grande protagonista e vem aparecendo em diversas peças decorativas. E quando utilizado com moderação, esse tipo de metalizado confere muita sofisticação.

Além da cor, é importante estar atento ao acabamento certo para a sua personalidade e para o seu espaço. Enquanto os cromados trazem mais glamour e um toque ousado, os escovados são a escolha certa para quem busca elegância e sobriedade.
Apesar de poder aparecer em detalhes nas almofadas ou mantas, o mais indicado para conseguir um visual atemporal é ir para os elementos menores, mas que ainda assim podem ser encarados como protagonistas. Esse tipo de cautela evita que o cômodo fique cansativo ou sobrecarregado.

Lembrando sempre que o menos é mais. Pendentes, luminárias e adornos menores são bons recursos para que o resultado seja moderno e sofisticado. A tendência também tem invadido a cozinha nos mais variados utensílios.

Os metalizados encaixam muito bem com outro grande destaque da decoração contemporânea: o minimalismo do design escandinavo. Os metalizados acompanham com perfeição o cinza e os outros tons suaves (como o rosa antigo e cores mais lavadas), além dos móveis e pisos de madeira clara. Unindo esses elementos, os resultados costumam ser bastante equilibrados.

Caso opte por tons mais vibrantes, como o azul ou o laranja, a dica é suavizar a combinação com um mobiliário que preze pela simplicidade, pois quando os móveis trazem linhas minimalistas o resultado final é bem interessante e corre-se menos risco de sobrecarregar o ambiente. O principal cuidado está na mistura com cores muito pesadas e escuras, que podem acabar poluindo demais os ambientes, é bom sempre ficar atento ao conjunto final do espaço para que se crie um ambiente leve, sofisticado e atemporal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *